Policial Militar de Minas Gerais é procurado por subtrair armas do Pelotão de Machacalis no Vale do Mucuri.

0
0
Policial Militar subtrai armas do Pelotão de Machacalis e foge para a Bahia.
PM de Machacalis foge com armas do Pelotão.

Um policial militar de Minas Gerais, lotado no Pelotão de Machacalis, está sendo procurado por ter subtraído  armas da carga do referido Pelotão, além de ter subtraído outras armas no Destacamento de Umburatiba.

O fato foi descoberto na manhã desse sábado 19, quando colegas de farda foram se armar para o serviço e não encontraram o armamento. Inicialmente, os policiais pensaram tratar-se de furto, mas tiveram a informação que o próprio colega de profissão teria sido o responsável pelo sumiço das armas.

A preocupação dos militares é que de posse desse armamento o colega possa fazer alguma besteira, pois, segundo relatos, ele está atravessando um momento delicado na vida, aparentado estar com depressão, e, estaria fazendo tratamento psicológico.

O policial pode ter ido para Nanuque, Itupeva ou Medeiros Neto, onde residem parentes dele. O comandante do Pelotão de Machacalis mobilizou toda a tropa para tentar localiza-lo e conta com o apoio dos colegas de farda dos estados da Bahia e do Espírito Santo, que fazem divisa com Minas Gerais.

O caso está sendo tratado pela Corporação como peculato-furto (malversação), quando o agente subtrai a coisa que não está em sua posse ou mesmo na sua disponibilidade, valendo-se da qualidade de funcionário público para realizar a subtração, a condição de funcionário público é que dá a oportunidade para o agente realizar a subtração.

 

Artigo anteriorNanuque contabiliza 14 homicídios consumados até agora numa escalada estratosférica da violência.
Próximo artigoPolicial mineiro que subtraiu armas do Pelotão de Machacalis foi preso em Porto Seguro na Bahia.
RADAR 158 é um portal interativo de notícias, que deixará o leitor inteirado dos fatos e acontecimentos de Serra dos Aimorés-MG e de toda a região do Vale do Mucuri. É um canal informativo real, verdadeiro, seguro, interessante e imparcial, envolvendo o leitor com o texto, despertando nele o gosto pela leitura. O nome é uma homenagem ao município de Serra dos Aimorés, localizada no Vale do Mucuri mineiro, que antes de se tornar cidade era conhecida como KM 158, por causa da estrada de ferro Bahia e Minas, razão da referência do lugar. O portal interativo manterá o leitor antenado em todos os noticiários políticos, policiais, culturais, esportivos, etc. O texto terá uma linguagem simples, de fácil compreensão e entendimento. Qualquer informação que o leitor queira passar ao RADAR 158, existe um canal de contato. Todas as informações são importantes e úteis para o enriquecimento dos conteúdos e das notícias. O RADAR 158 espera que o leitor aprecie o noticiário e colabore com o desenvolvimento e enriquecimento do portal de notícias, podendo contribuir e ajudar na elaboração dos textos jornalísticos.